Rio de Janeiro: cidade maravilhosa

Por Tatiana Vasques

Antes de iniciar essa coluna, eu relutei em escrever sobre a cidade do Rio de Janeiro. Isso porque ela já foi pauta de inúmeras revistas e matérias no Brasil e no mundo e eu poderia não ter nada de diferente a acrescentar. Por outro lado, pensei que mesmo que eu não tenha novidades para informar, ler sobre o Rio é sempre algo fascinante. Sendo assim, aqui está a minha coluna sobre esta cidade realmente MARAVILHOSA.

Eu já perdi as contas de quantas vezes estive no Rio, seja a trabalho ou a lazer, porém a cada vez que vou para lá, me encanto com alguma coisa que não tinha reparado na viagem anterior. As praias são belas: Copacabana, Barra da Tijuca, São Conrado, Leblon, Leme e Ipanema, a minha preferida, são apenas alguns conhecidos exemplos, porém há quem diga que a Prainha, no Recreio dos Bandeirantes, é sensacional. Esta eu ainda não vi, mas quero ir brevemente.


É claro que o Rio de Janeiro não vive só de praias e pode ser um passeio ainda mais romântico ao pés do Cristo Redentor, nos bondinhos do Pão de Açúcar, nos bares da Lapa ou observando o mar do Arpoador. Eu, particularmente, adoro dois lugares: o Jardim Botânico e a Lagoa Rodrigo de Freitas.

Estar em uma boa companhia, caminhando pela Lagoa ou por entre as ruas do Jardim, comendo uma pipoca ou tomando um sorvete, pode parecer piegas, mas é muito gostoso.

E para aqueles que curtem esportes radicais ou situações inusitadas, o Rio de Janeiro ainda oferece voos de asa delta, visitas monitoradas a favelas (com as melhores vistas da cidade) ou ensaios em quadras de escola de samba.


E é aí que está o diferencial do Rio de Janeiro: a cidade é democrática, onde cada casal ou pessoa pode curti-la como quiser e o melhor, gastando o quanto pode. Nas areias e calçadões de Copacabana, todas as classes sociais se encontram.


Por exemplo, com o dinheiro de apenas uma água de coco, é possível passar uma noite inteira, abraçado
ao seu amor, sentado, contemplando o mar, o famoso hotel Copacabana Palace e o vaivém de pessoas de diferentes nacionalidades. Por outro lado, se quiser, ir a restaurantes luxuosos, com vistas maravilhosas, isso também é possível.


Por fim, minha única ressalva quanto ao Rio de Janeiro (deixando de lado a violência anunciada exaustivamente) são as pizzas (e olha que, como boa paulistana que sou, disso eu entendo). A massa é muito ruim, a pizza portuguesa leva mais pimentão do que os outros ingredientes e a maioria dos cariocas coloca catchup sobre a pizza. Ai, isso não dá. Me desculpem se estou sendo sincera demais, mas aceito dicas de pizzaria no Rio de Janeiro onde a redonda seja gostosa. Mas, como gosto de ver as coisas pelo lado positivo, se as pizzarias não são boas, o melhor é pensar em uma comidinha diferente e sair da mesmice. Que acha “mermão”?



4 respostas para Rio de Janeiro: cidade maravilhosa

  1. Taty disse:

    As fotos ficaram ótimas.

  2. Regina disse:

    Parabéns!
    A cidade é linda e as fotos também.

  3. Tatib disse:

    Aiii, amei essa cidade, linda, tudo de bom, quero voltar, todos os anos!!!!!!!!!!!!!!!

  4. Tainá Hernandes disse:

    Queria ir de novo pro Rio!
    Só estive quando eu pequena…

    Vou aproveitar algumas dicas daqui!
    E principalmente, não vou pedir pizza! rs!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: