Paraíba: um Estado a ser desvendado

Por Tatiana Vasques

Antes de começar essa coluna, preciso primeiro agradecer pelo retorno que venho recebendo. Os comentários são um estímulo para mim. Muito obrigada.

Já sobre o destino da vez, hoje vou falar sobre a Paraíba. Sei que pode parecer estranho, afinal, esse Estado ainda não tem grande apelo turístico e eu digo: por isso mesmo, ele é tão encantador e merece ser visitado.

Da mesma forma que o leitor, eu também nunca tinha pensado em ir para lá, porém duas coisas me estimularam: um casal de amigos conheceu o local e fez muitos elogios e, em segundo lugar, o preço é atrativo, pois como não há demanda, o valor é acessível. E, diante desses fatores e do fato de que, para mim, qualquer viagem vale a pena, basta saber aproveitá-la, eu e meu marido fizemos as malas e fomos para lá.


Ah, quantas surpresas! O Estado da Paraíba não tem muitas praias exuberantes, isso é verdade, mas por outro lado, tem um povo extremamente educado, limpo e acolhedor. Um exemplo: o hotel em que fiquei hospedada, o Tropical Tambau é o melhor de João Pessoa, fica na rua principal e, literalmente, é pé na areia. Assim, todas as noites, ficava fácil dar uma volta no calçadão da praia e aí foi meu encanto: o calçadão é MUITO limpo. Não vi nada igual em outras cidades praianas em que já estive presente.



Paralelo a tudo isso, o Estado é barato. Um rodízio bem caprichado de pratos de camarão custava em torno de R$ 20,00 quando eu fui no ano passado. E dava para comer até enjoar. Os barzinhos também tinham preços bons e as barracas na praia de dia e de noite não eram caras.

Falando em praias, como eu disse, João Pessoa mesmo não tem muitas para ficarem gravadas na memória, porém nas redondezas há duas que merecem destaque: a Praia Bela e Tambaba. Na realidade, a Praia Bela é uma mistura de lagoa de água doce com a água salgada do mar. Para chegar até ela, passamos por uma barraca rústica e uma ponte. A barraca coloca mesas e cadeiras dentro da água e é lá que você é servido. Pura mordomia!



Já a Praia de Tambaba é a primeira e a mais conhecida praia de naturismo do Brasil. De um lado, ela é repleta de rochas e você pode ficar vestido. Para conhecer o outro lado, é preciso subir uma escada e deixar as roupas em uma espécie de guarda-volumes com segurança e entrar. Algumas regras devem ser seguida: ninguém entra na praia de roupa e homem não pode entrar desacompanhado. Confesso que morri de vontade de sentir essa sensação de liberdade, mas meu marido não teve coragem, mesmo sabendo, na ocasião, que existiam apenas 5 casais na praia. Eu insisti muito e ele até disse para eu ir sozinha, mas aí não teria graça. Com quem eu ia comentar o que estava sentindo em estar em contato com a natureza do jeito que vim ao mundo? Resultado: não conheci a praia como um todo. Uma pena! Quem sabe um dia!?


O centro histórico também tem muita coisa a contar e é bem conservado. Há ainda um mercado de artesanato local com lojas variadas, baseadas principalmente em malhas com algodão colorido orgânico. Elas são lindas.

Porém, uma das coisas mais bonitas e emocionantes que vivi na Paraíba foi ver o por do sol na Praia do Jacaré. Na realidade, não é uma praia. É uma lagoa e todos se reúnem por volta das 17h para ver o sol se por. Quando isso começa a acontecer, um saxofonista de branco navega pela lagoa tocando o bolero de Ravel. É lindo demais e o bolero só termina quando o sol se põe. É muito emocionante. Diversas pessoas choram. Isso geralmente acontece às 18h e aí começa a tocar a Ave Maria. O original saxofonista é o Jurandyr do Sax, mas no dia que fui, era um outro. Ao todo são três que se revezam. Esse espetáculo é indescritível. É passeio obrigatório.



Mesmo com tudo isso, eu ainda acho que o Estado da Paraíba só não é mais visitado porque falta propaganda e porque as pessoas são preconceituosas, afinal Paraíba é o lugar de “mulher macho, sim senhor”, e ser “paraibano” parece ser algo pejorativo. Falo isso porque pude perceber que quando eu dizia para as pessoas que eu fui passar férias na Paraíba, a pergunta era: “você tem parentes por lá?”, como se o simples fato de querer desvendar esse Estado fosse algo incompreensível. Por isso, fica a dica: não escutem o que dizem por aí. O legal é descobrir sua própria viagem e curtir cada momento, independente do que dizem as convenções. E vambora viajar.


Falando em viagem, na semana que vem, é feriado na quinta-feira e por essa razão, essa coluna não será publicada, afinal, a colunista que vos fala precisa viajar mais. Kkkkkk

Um abraço e bom feriado!

7 respostas para Paraíba: um Estado a ser desvendado

  1. Tainá Hernandes disse:

    pô, pelas fotos, as praias me pareceram encantadoras.

    e fiquei com vontade de ir pra paraíba!

  2. Priscila disse:

    Nossa tb estou louca de vontade de ir para lá! Amei as fotos!

  3. Mônica P. disse:

    Tá viajada hein Taty!!!!🙂

  4. Eduardo disse:

    Ela tá viajada porque pensa que o marido é rico. rsrsr

  5. hahahaha, boa Edu! Eu não sou casado, mas sei que todas as mulheres pensam que têm maridos ricos!

    nunca fui para lá e gostei muito das fotos e das dicas. Pode ser uma boa opção e garantia de economia!

    Está muito legal a coluna, parabéns ‘chefe!

    Bjs

  6. Ju disse:

    Que BELO por do sol!!!!!
    LINDO, LINDO!

    Amei o lugar só por isso!
    Ah! e Parabéns novamente pela coluna!

    Beijos

  7. Maria das Neves disse:

    A Paraíba é mesmo um encanto. Aqui ainda se pode ter qualidade de vida. Um simples passeio pela orla é gratuíto e seguro. Se quiser gastar um pouco, basta comer um queijo assado na brasa com uma água de coco e não gastará mais de R$3,00. Tem muitas coisas gostosas por aqui. Só vindo para ver. Mas venham com o coração aberto e os olhos limpos. Será um prazer recebê-los.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: