Sensatez

agosto 2, 2010

Por esta razão, não vos torneis insensatos, mas procurai compreender qual a vontade do Senhor.” (Efésios 5:17 ARA)

Por Mário Fernandez – ICHTUS

A associação entre sensatez e compreender os caminhos do Senhor é inevitável, especialmente neste versículo onde está explícito. Mas talvez o que mais chama a atenção é o quanto as pessoas tem ansiedade quando se trata de saber o que Deus quer, a famosa “vontade de Deus”. Lembro de longas discussões com colegas e professores na época que estudava teologia.

O fato que não se pode evitar de pensar é que nem todo mundo está preocupado em ser sensato. O que faz sentido na vida de uma pessoa espiritual é a vontade de Deus, isso é o de bom senso, é o sensato. Claro, porque as aspirações de um espiritual, são igualmente espirituais assim como os desejos de um carnal são carnais.

Compreender a vontade de Deus não é o que as pessoas julgam que seja. A maioria se confunde com conhecer a vontade de Deus, no sentido de saber o que Deus quer e isso já está na Palavra, a Bíblia está cheia disso. Ame o teu próximo, seja generoso, semeie, seja fiel, santifique-se. Só por isso já se tem como saber a grande maioria das questões em termos de conhecer a vontade de Deus. Mas compreendê-la, realmente é outra coisa, são outros 500.

Compreender tem a ver com encontrar o sentido e o objetivo de alguma coisa. Tem a ver com alcançar a idéia central de alguma coisa. E a vontade de Deus, o que ela visa, para onde ela aponta, qual sua idéia central? A mim parece que vai além do entendimento de muitos que nos rodeiam.

Deus quer que o maior número de pessoas possível seja salva. Todo restante, meu irmão, é apenas para que isso aconteça. Nossa edificação contribui para isso, mas se a meta fosse apenas essa era melhor ser arrebatado na conversão. Temos a eternidade para adorar, então também não é isso. Não nos tornemos insensatos, compreendamos que Deus quer o mundo salvo, até os confins da Terra.

Pai, ensina-me a ter foco nas coisas do Teu Reino para que eu não gaste energias naquilo que não aumenta minha compreensão da Tua vontade.”


Honrando Sua Esposa

março 29, 2010

Arquivado em: Homem — Vinicios Torres

Igualmente vós, maridos, … dando honra à mulher, … para que não sejam impedidas as vossas orações..” (1 Pedro 3:7 AA)

Muitos homens estão fazendo orações ineficazes, que não recebem respostas, e não sabem disso.

Muitos incorrem em um erro extremamente comum sem se aperceberem que estão quebrando um princípio bíblico.

Muitos não estão honrando as suas esposas… (alguns nem mesmo sabem o que é isso).

Ouça o podcast e descubra algumas idéias para liberar a sua oração e transformar seu relacionamento com sua esposa.

Acessem o link:

http://www.ichtus.com.br/hh/2007/05/18/honrando-sua-esposa/


Dia da Noiva

março 19, 2010

Teoricamente, um dia tranquilo, que as noivas reservam só para elas mesmas, descansar, cuidar da pele, do cabelo, das unhas, ficar linda e maravilhosa para o Grande Dia!

Eu também desejava isso, no começo, mas depois mudei de ideia.

Primeiro ponto: fui pesquisar nos salões e achei caro demais os pacotes para noivas, só de falar a palavra casamento, os profissionais já colocavam o preço láááá em cima!!!!!! Por fim, decidi fazer o básico: mão e pé, cabelo e maquiagem (com teste), limpeza de pele e massagem.

Aliás, falando em cabelo e maquiagem, noivas é imprescindível fazer o teste. No dia do casamento já tem tantas coisas para se preocupar que não vale a pena ficar pensando no cabelo e na make up!! Decidam antes e façam os testes necessários para arrasar no dia!!!!


Eu fiz os teste e amei. Nessa de me decidir a não ter o tradicional dia da noiva, eu escolhi a Jú, minha amiga e madrinha, para cuidar do meu visual no Grande Dia. Ela é cabeleireira e faz tudo muito bem. Foi minha melhor escolha. Eu estava com um pouco de medo, porque ela também ia ser minha madrinha e as coisas podiam não dar tempo. Mas, deu! Ufa!!!!!!

Programei meu roteiro da seguinte forma:

  • Limpeza de Pele: um mês antes;
  • Pé e mão (meu e da mãe): uma dia antes, a tarde;
  • Massagem: um dia antes;
  • Cabelo e maquiagem: no dia e detalhe, EM CASA!

Quinta-feira, dia 17 de dezembro (dois dias antes do Grande Dia).

Meu telefone toca: são os amigos do Canadá. Eles vinham para o casamento, mas até então ficariam no hotel. Mudança de planos: foram para minha casa.

Começa a correria: liga no salão e muda o horário da unha, minha mãe vai para cozinha e começa a cozinhar diversos pratos para sexta, sábado e domingo. Muita gente ia chegar em casa: pessoal do Canadá (três pessoas), vó Mélia, tia Ciléia, tia Fá, Vini, Gui, Aline e Rica. Mais a Jú (que vinha me arrumar), meus pais e eu. Afffffff, que loucura.

Quem vê essa carinha de "santos", acredita! 🙂 🙂

Sexta-feira, dia 18 de dezembro.

Eu a minha mãe vamos rumo ao salão, meu pai vai buscar o pessoal no aeroporto. Depois, passeio na Rua 13 de maio com o pessoal do Canadá. Levo o carro para lavar! Vou fazer massagem. Nesse meio tempo, tia Ciléia se perde em Campinas, meu pai está no Centro da cidade, eu fazendo massagem. Meu pai sai do Centro e pega um táxi. Vai procurar a tia Ciléia. Fim do dia: todos em casa, muvuca total!!!! 20h: podre de sono, vontade de dormir!!!!!!! Noivorido chega em casa: visita todo mundo e migra para casa da Dani e do Caê: família e amigos lá. Não aguento, preciso dormirrr!!!!!!!

Sábado, dia 19 de dezembro: o Grande Dia!

Acordo 8h da manhã, eu, Lissa, Vini e Gui vamos buscar os buquês (meu e das daminhas). Depois, pegamos o vestido.

Hora do almoço: todos em casa. A Jú chega. Hora do povo começar a se arrumar, tomar banho e se preparar, afinal, eram oito mulheres para a Jú arrumar, sem contar ela mesma. Todos estão entretidos em alguma atividade: meu pai e o Rica foram fazer a comitiva do bolo com o Caê, Diego, tio Moacir, Rica, Pri (Moraes) e Leandro. Em casa, meu quarto vira um salão. As mulheres começam a tricotar, todos estão bebendo/comendo e ninguém começa a tomar banho.

Agonia total: por favor, banho, por favor. Jú começa a fazer os cabelos e as maquiagens, e finalmente, pessoal começa a tomar banho!!!!!! Reta final: Jú finaliza minha prima e madrinha, Aline, minha mãe e lá vou eu.

Começa pela maquiagem. Por Deus, eu consegui ficar sem piscar. Como dói passar lápis, rimel e delineador. Affffff, só no dia do casamento mesmo! Hora do cabelo: são quase 17h. Jú começa a montar o coquê. Acho que é o penteado final e ela diz que é teste. “Ahhhhhh, nada de teste, esse será o final”, ansiedade total.

Chega o pessoal do making of (foto e filmagem). Meus primos querem sair na câmera, todos falam ao mesmo tempo (14 pessoas). Jú finaliza meu cabelo e maquiagem! Meu celular toca: o Noivorido já chegou na igreja, preciso correr. Vou me trocar com minha mãe. Vestido emperra: eram tantos botões que ficamos perdidas. A Priscila, fotógrafa, parou e nos ajudou! Aleluia, deu tudo certo.


18h30: todos precisam ir, pois devem chegar na igreja às 19h. Érica e Fabinho chegam em casa. Três carros lotados saem. Tia Ciléia esquece a chave do carro. Misericórdia, achei que eu fosse morrer, quanta correria. 19h: meu pai, eu e Érica vamos para a igreja.

Depois, alegria total, momento único…mais detalhes no post sobre o casamento (em breve)!






Check List

dezembro 1, 2009

Essa coluna não poderia ter acontecido se eu não tivesse ajuda da minha cerimonialista. Sim, ela é fundamental, pois conhece todo o roteiro de um casamento, já sabe os possíveis problemas, dúvidas e confusões que podem acontecer. Se o casal se organizar bem, consegue evitar tudo isso. Claro que eles podem acontecer, mas será mais difícil.

Vejam, abaixo:

Igreja: é preciso verificar se toda a documentação está em ordem. Chequem a decoração e esperem pelo dia.

Buffet: Detalhem tudo!

– cor das toalhas,

– cor da capa de cadeira,
– quantidade de pessoas por mesa,

– confirmar se há sala de apoio para equipe de cerimonial e para guardar os presentes e itens dos noivos,

podemos usar o escritório como sala de apoio? Sim e também terá uma mesa de apoio atrás do caixa.
– como será o serviço com rechands? Quantos serão? Serão duplos?
– como será servida a salada, se houver,
– se o bolo for verdadeiro, verifique se há espaço para guardá-lo,

– pedir que o buffet avise a cerimonialista quando estiver próximo de finalizar o tempo de festa,

– verificar se há mesas reservadas ou vagas de estacionamento,

– verificar forma de controle dos convidados.

Dicas: colocar cestinhas nos banheiros com fio dental e fluor dente! Deixem com a equipe de cerimonial engoves (para aquele pessoal que ultrapassa na bebida), remédios de dor de cabeça e se possível, linha e agulha – ninguém sabe quando um vestido vai dar problema 🙂

Decoração:

– confirmar quem fará a montagem,

– qual horário de chegada,

– qual horário de desmontar,

– verificar onde pegar o bouquet,

– confirmar as cores das flores.

Banda:

– quantas pessoas formam a banda,
– que horas vocês vão chegar no buffet,
– até que horas vocês vão tocar.

Definir:

– música de entrada dos noivos,

– música de corte de bolo,

– música para abrir pista de dança.

Bolo, bem-casado, doces, acessórios:

– definir quem vai pegar e levar até o local da festa e qual horário.

Pais, Padrinho, Madrinhas, Daminhas e Pajen:

– façam uma lista com nome e telefone, identifique todos – assim, facilita caso alguém atrase ou precise ser contactado.

Por fim, aproveitem, deixem tudo pronto até duas semanas antes para curtir e descansar 🙂


Dicas para quem pretender casar

novembro 9, 2009

Com a proximidade do meu casamento está cada vez mais difícil eu atualizar o blog. Estou na fase de entrega dos convites, então, imaginem a loucura. Eu acho legal entregar o maior número possível de convites pessoalmente, mostra a importância da pessoa, o carinho e tudo mais. Mas, em muitos casos, quando temos convidados de muitos lugares, o jeito é recorrer ao correio e hoje em dia com tanta modernidade, até a internet é um meio de convidar as pessoas.

Bom, mas hoje estou aqui para fazer uma pequenas lista do que considero importante as noivas fazerem quando decidem se casar. Planejar o casamento não é nenhuma tarefa impossível, porém exige tempo, dedicação e muita organização. Sendo assim, seguem algumas dicas.

– Cerimonialista: Antes dos noivos começarem a correr atrás de tudo, definam quem vai organizar os preparativos: os noivos ou a cerimonialista. Sim, existe uma pessoa que pode fazer tudo por você. Ela fará uma cotação de todos os itens que você deseja no seu casamento e depois, é só escolher o preferido. Quem não vai contratar esse serviço, imediatamente, minha sugestão é seguir a lista abaixo.

1ª Fase: A base de tudo!

– Lista de Casamento: O primeiro passo é fazer um esboço da lista. Os noivos precisam saber mais ou menos quantos convidados terão para procurar a igreja e o salão ideal. Lembrem-se que até a chegada do grande dia, vocês vão conhecer muitas pessoas, então deixem um número a mais.

– Igreja: Antes de ver o buffet, vá até a igreja. Em geral, os noivos querem e tem uma preferência pela igreja. Assim, devem verificar as datas disponíveis, quando abre a agenda e como funciona os casamentos. Programe-se, pois hoje em dia as datas estão cada vez mais disputadas. Vejam uma igreja que se alinhe com o número de convidados, caso contrário, se a igreja for para mil pessoas e você tiver 200 convidados, seu casamento parecerá vazio. E vice-versa 🙂

– Salão/Buffet:: Data definida, é hora de procurar o local da recepção. Minha dica é que o salão seja o do Buffet, pois geralmente sai mais barato. Muitos buffets não cobram aluguel do salão quando eles já estão sendo contratados. Por outro lado, muitos buffets não oferecerem o espaço. É um momento de pesquisar. Nessa hora vale tudo, indicação, bons preços, qualidade e diversidade nos serviços.

2ª Fase:

– Lua de Mel: Tudo dependerá para onde o casal irá e quanto poderá gastar. A dica é ver a Lua de Mel logo depois que a data estiver definida, pois assim já começam a pagar e garantem que o lugar querido esteja disponível.

– Foto e Filmagem: Essa será sua única recordação desse dia, vai mostrar para os amigos, parentes e no futuro, para os filhos, os amigos dos filhos e depois, para os netos. Resumindo: Não arrisque, escolha um bom profissional, tente negociar os preços e escolha com cuidado. Afinal, você vai querer relembrar esse dia um milhão de vezes, mais ou menos, rsrsrs.

– Decoração: O ambiente pode ser simples, mas o que fará ele ficar lindo, sem dúvida, é a decoração. Então, capriche na escolha! Veja as flores que são da época do casamento, alinhe as cores, não deixe o ambiente pesado, especialmente, se for pequeno. Em salões menores, invista em cores claras. Escolha do seu gosto, afinal, esse dia nunca mais vai se repetir! Muito importante: a decoraçãotem que ser linda? Tem, mas sejamos racionais, são flores para no máximo 5 horas, então, tentem economizar.

– Banda ou DJ: quem vai “ditar” o ritmo da festa é a banda ou DJ, ou seja, eles precisam ser ótimos e claro, ter o estilo dois noivos. São eles que vão agitar o pessoal.

3ª Fase:

– Cerimonial: Esse serviço não é conhecido por todas as noivas, embora seja indispensável. A cerimonialista, dependendo do contrato que a noiva feche, vai ajudar na organização do grande dia – vai fazer um check list para ver se tudo que vocês contraram está ok e tomará conta de tudo para que saia perfeito. Existem “n” tipos de contratos, mas, para quem quer economizar, contratar o serviço para o grande dia já ajuda muito.

– Vestido da Noiva: Paralelo a todos os outros itens, as noivas já podem começar a pesquisar, pois muitas lojas fazem promoções relâmpagos, especialmente, no inverno, devido a baixa procura por casamentos. Quanto antes escolher, mais fácil será. Assim, o estilo já estará definido. Vale a pena lembrar, alinhem tudo: buffet, banda, igreja, vestido, convite e tudo mais.

– Convites: Existem mil tipos de convites, um mais lindo que o outro, mas como já disse, ele deve estar alinhado ao estilo da festa. Para quem quer economizar a dica é seja racional, ou seja, muitos vão jogar fora o convite depois do casamento, então, ecomomizem. Evitem fotos e coisas coloridas.

4ª Fase:

– Adereços para Festa: É um mimo ter acessórios durante a festa, parece que anima o pessoal. Eu acho legal ter, embora seja dispensável, caso queiram economizar. A dica é ir para São Paulo e procurar pela 25 de março, entre outras ruas do tipo. Lá, os preços são mais em conta. Em alguns casos, tem sites que também fazem excelente preços.

– Docinhos: São uma delícia, mas também são dispensáveis caso o orçamento esteja curto. De qualquer forma, a dica é deixá-los para o final, pois ai os noivos já terão uma noção do que podem ou não gastar. Precisa ter no mínimo três tipos e calcula-se, em média, de 3 a 5 por convidados.

– Bolo e Topo do Bolo: O bolo é a parte final da festa, praticamente, a última coisa que os convidados vão comer, então, caprichem. O topo do bolo é uma diversão só. Vale de tudo: colocar as características dos noivos, fazer brincadeiras de futebol, do casamento, aqui o que manda é a criatividade. Pesquisem, pois nesse item também é possível economizar.

– Lembrancinhas: A grande dica é dar o bem-casado como lembrancinha. Você terá um doce e ainda a lembrancinha. Para casamento no verão, a dica é dar garrafinhas de água com um rótulo sobre os noivos, sugestão “Água do Amor”, lembrança do casamento de ______ e ________. Dia, mês e ano.

5ª Fase:

– Roupa do Noivo e Pais: Noivas, é hora de colocar o pessoal para procurar as roupas. Todos tem que estar lindos e elegantes para o grande dia. E tudo com muita simplicidade, nada de fazer com que as pessoas deixem de ser elas mesmas.

– Sapato da Noiva e Acessórios: Pode ser um dos últimos itens, pois muitas amigas e primas que já casaram, poderão emprestar alguns desses itens. Economia, novamente! Rs.

– Agendamento do Dia da Noiva: O Dia da Noiva, com certeza, deve ser ótimo. Mas, para quem não tiver com muitas condições, pode optar pelos itens mais importantes como cabelo, maquiagem, unha, sombrancelha e depilação. Não esqueçam do teste, ele é essencial e garantirá que no dia, a noiva esteja satisfeita. Para os homens, um bom corte de cabelo já resolve. Lembrem-se de fazer limpeza de pele, noiva e noivo, ajuda na hora de tirar as fotos e da maquiagem.

– Organização do Chá de Cozinha/Despedida de Solteiro: Marquem com uma antecedência de um mês, mais ou menos. Tentem conciliar o chá das meninas com a despedida dos homens, assim todos podem aproveitar mais.

– Lista de Presentes: Coloquem com uns dois, até três meses de antecedência, antes de começar a distribuir os convites, pois já terá gente perguntando. Faça com que a lista seja uma sugestão para não intimidar os convidados.

Por último, aproveitem demais essa fase, ela é única, especial e merece ser curtida.

Obs.: Noivas e noivos, não esqueçam que paralelo isso tudo, tem também a parte do cartório e igreja. Para mais informações, acessem: https://tatib.wordpress.com/2009/06/04/igreja-e-cartorio-como-proceder/


Igreja e Cartório, como proceder…

junho 4, 2009

A gente começa a organizar a festa, já decide flor, foto, quem vai tocar, garante o dia na igreja, mas, como eu, “esquece” dos detalhes do processo religioso e civil. E para esclarecer, eu liguei na Nossa Senhora das Dores, a paróquia que vou me casar, e a Tassiana me informou que para fazer o casamento com efeito civil, precisava pagar mais R$ 50,00. Porém, toda a “papelada” do casório, não era feita lá e aí, começou a “confusão”. Rs.

Para dar entrada no Processo de Habilitação Matrimonial, os noivos devem ir até a paróquia de um dos dois e levar:

* Cópia do RG e comprovante de residência (de ambos);

* Certificado do curso de noivos (leia post abaixo);

* Certidão de Batismo para Fins Matrimoniais – este documento deve ser solicitado na igreja em que os noivos foram batizados. Quem tiver qualquer problema nesse item, pode entrar em contato com a Arquidiocese de Campinas (55 19 3231-6649 ou pelo site: http://www.arquidiocesecampinas.org.br/) e solicitar mais informações.

Na minha paróquia, Santo Antônio, este processo custará R$ 200,00. Lembrando que cada paróquia tem um preço e varia de ano para ano.

Paralelo a isso, os noivinhos precisam ir até o cartório com:

* Certidão de Nascimento (de ambos);

* Rgs;

* Duas testemunhas – geralmente, os padrinhos.

Este processo custará: R$ 297,60, sendo R$ 275,75 para o casamento e R$ 21,85 para as certidões.

Dica: Cartório Santa Cruz (55 19 3232-9132).


Que venham os fornecedores…

novembro 1, 2008

Lista definida, data escolhida. E agora, primeiro eu marco na igreja ou no salão?

Algumas noivas optam por fazer a cerimônia religiosa junto com a festa. Nesse caso é mais fácil conciliar as datas, mas lembrem-se, se for ter padre ou pastor, falem logo com a pessoa que fará a cerimônia, não deixem para a última hora, para evitar ansiedade vésperas do tão sonhado dia.

Para as noivas que farão separado, a minha dica é fechar primeiro a igreja, geralmente não será só uma bela igreja, mas provavelmente você terá alguma afinidade com o local. E depois, os buffets querem ganhar, sendo assim, farão de tudo para fazer seu casamento, o dia que for, rs! Se as noivas forem alugar salão e contratar buffet, fiquem mais atentas ainda com a data.

Na escolha do buffet tomem muito cuidado. O mercado está cheio de opção, por isso, devemos cotar diferentes lugares, comparar preços e ainda, ver o que te oferece mais benefícios e qualidade de serviço, é claro.

O buffet será o primeiro fornecedor que vamos contratar, pela minha pequena experiência, o primeiro buffet que eu vi, eu já queria estar casando, rs! É normal nos apaixonarmos pelo primeiro, a ansiedade é tanta que eu já queria fechar. Minha dica é olhar, olhar – o mesmo, e vários! E não tenham preconceito, o único buffet que eu não queria ir – eu imaginava que ele não fazia o estilo da festa que eu planejava, foi justamente o que eu fechei!!

Aliás, preciso registrar que eu e o Noivo fomos muito felizes na escolha do buffet. O lugar é lindo, a comida é deliciosa e claro, o atendimento do Juliano é demais, ele é ótimo. Parabéns! GygaByte, eu recomendo!

Para economizar no preço, tentem escolher pratos simples, mas que sustentem.

* Só para lembrar, o cardápio, embora digam que os noivos não comem, primeiro tem que ser do gosto deles, mas também do perfil dos convidados, porque senão todos vão estranhar e podem até não comer, temos que pensar em cada detalhe, afinal, nenhuma noiva quer que falem mal do seu casamento, não é mesmo?

Normalmente, o que tenho visto é que embora seja bom ter a opção de massa e de carne, o seu convidado só comerá uma delas. Então, veja qual é a maior preferência e invista em um dos dois apenas, vocês pouparam gastos!

Nas bebidas, por exemplo, você pode fechar só o tradicional: cerveja, refrigerante e água! Para os noivinhos chegados em outras bebidas alcólicas, conversem com os amigos que estão vindo do exterior, vocês sabem que lá tudo é mais barato, de repente, os noivos vão comprando aos poucos – ao longo do ano, e depois servem no dia. Isso ajuda a baratear!!